quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Rotina

Debruça-te sobre o dia
que o mundo gira a cena
Entorna o pranto
Joga
Não se cansa
O paladar aguçado
As palavras em meio à cama
Toque
Lençóis de seda
Cortina fechada
Roda a roleta
O dia mente
A vida grita
Chora a alegria
Mesa Redonda
Rasga a casca
Vaga o pensamento
Aguarda o girar do Sol
Que os anos escorrem

7 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Lindoooooo!
Para os outros e não entre tu e eu!

*Jurou-me eterno amor. A noite ia cahindo
E, entre outras phantasias,

Eu disse-lhe sorrindo:

Se Deus surgisse agora, aqui, perante nós

O que é que lhe dizias?

- Que nos deixasse sós...

AUGUSTO GIL*

Beijos*
Renata
Problemas com 7 acabaram-se. Chegou outro que também se acabou. Porque eu decidi. Não gosto de atritos, nem tampouco de conflitos. Nenhuma guerra é justificável.
Bons dias sempre*

Priscila disse...

"O dia mente
A vida grita
Chora a alegria"

Sem palavras para dizer, simplesmente perfeito!


Bjs querida, tudo muito lindo por aqui!

@vitinhobinho disse...

Muito bom aqui =D estou te seguindo!
Essas suas palavras da Rotina me lembraram as minhas habituais..

.Leonardo B. disse...

[palavra que se equilibra no miradouro sem se perder no horizonte, dança sobre si própria, sobre a letra que a compõe]

um imenso abraço

Leonardo B.

Palavras que falam por mim disse...

Olá, antes de mais nada, parabéns pelo blog!

E por acha-lo de muito bom gosto é que o/a convido a vir conhecer a proposta do meu Blog para você.

Aguado sua visita!

Forte abraço!

Karina

Ilhados Aqui disse...

Atualizei o http://ilhadosaqui.blogspot.com/ . Abraços

Ilhados Aqui disse...

Atualizei o http://ilhadosaqui.blogspot.com/ . Abraços